Páginas

17 dezembro 2010

Móvel Com Magia

Há uns anos salvei este móvel do lixo ou melhor, da fogueira. O seu dono que o achava feio e sem valor ia queimá-lo.
Quando o vi foi amor à primeira vista. Foi fácil convencer o seu proprietário a dar-mo e levei-o para casa. Durante muitos anos foi o meu despenseiro na cozinha. Depois resolvi dar-lhe uma nova cara, lixei-o e pintei-o de encarnado por dentro com alguns frisos na mesma cor por fora e assim ficou.
Já na sala passou a servir de casa às minhas memórias. Chávenas de chá e café, esquilos, fadas, velas, bússolas, uma caixinha com areia do deserto, uma balança muito velha, frascos com flores secas, a bola de Natal, uma bobine de linha, pauzinhos secos, uma caneca com a tabela periódica e mais um sem número de objectos todos eles com uma história, que se confunde com a minha própria história, para contar. A magia do móvel,  para além de si próprio e dos objectos que alberga, é arranjar sempre espaço para uma nova memória que apareça no meu caminho.

13 comentários:

  1. Este móvel é um encanto. Adorava fazer um achado destes! Infelizmente, o Senhor Lixus nunca me ofereceu nada semelhante. Mas eu vou sonhando...!

    Seria uma tragédia se não o tivcesses salvo da fogueira. É lindo!

    ResponderEliminar
  2. É muito bonito, digno de guardar muitas recordações.

    ResponderEliminar
  3. Lindo...um armário de histórias, gostei muito.

    ResponderEliminar
  4. É uma história bonita.esse móvel dve ter outras tantas para contar!

    Bjinho,

    Rita

    ResponderEliminar
  5. Que móvel lindo, cheio de magia e encanto, mas parece um livro cheio de histórias para contar adorei.Beijos de sol para te iluminar

    ResponderEliminar
  6. Como é possível deitarem um móvel destes na fogueira?
    Com certeza um mobiliário cheio de memórias.
    É lindíssimo e fizeste um belo trabalho com ele.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  7. Adoro louceiros, e móveis antigos. São peças que nunca cansam, ao contrário dos móveis modernos. Eesse parece-me realmente mágico, pela história dele, e pelas histórias que encerra.
    Este louceiro fez-me lembrar uma história, que um contador contou aos meus filhos, tirando pequenos objectos de um saco de papel. Foi lindo e fascinante!

    Fizeste bem em guarda-lo, Luísa; hoje guarda ele as tuas memórias.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. UAAAAAAAAAAAAAAAAU! Que movel lindo!
    Estou a procura de algo assim para minha casinha de bruxo!

    ResponderEliminar
  9. olá vim cá ter através da cas da Hazel. este móvel era uma pena servir de lenha para a fogueira. mas que pena seria.
    kis .=)

    ResponderEliminar
  10. Passei para te desejar Feliz Natal e Feliz Ano Novo. É um prazer tê-la como
    minha seguidora, que o ano que se aproxima seja cheio de muita inspiração, saúde
    e amor, para que todos possamos ser beneficiadas com suas lindas criações e textos.

    abraço
    Cidinha

    ResponderEliminar
  11. Que giro! Tão retro!
    Também adoro restaurar mobiliário. Tenho umas quantas peças de mobilia que encontrei no lixo e recuperei, como uma arca de amadeira antiga e umas cadeiras em ferro de jardim.
    Pena ter pouco tempo para estas coisas boas da vida :(
    Beijinhos amiga.
    Rute

    ResponderEliminar