Páginas

18 dezembro 2014

17 dezembro 2014

129 de 365 Dias da Horta Encantada

Nos últimos anos tem-me sido muito difícil entrar no espírito natalício, felizmente os meus filhos não me deixam passar em branco esta quadra. Temos a casa enfeitada, a árvore e o presépio estão feitos, para acrescentar à decoração este ano lembraram-se de ir buscar o presépio que fizemos quando eles eram mais pequenos e andávamos com a nossa "casa às costas". Um placa de madeira com as personagens  do presépio, que não são mais do que marionetas, presas com velcro ao "cenário". Já proporcionou longas horas de brincadeira. 


15 dezembro 2014

127 de 365 Dias da Horta Encantada

Jantar, pizza da horta! Estava tão boa, mas tão boa, que nem deu tempo de tirar fotos depois de cozida, desapareceu num ápice. 



14 dezembro 2014

126 de 365 Dias da Horta Encantada

O meu carinhoso menino sempre pronto a encher de miminhos quem o rodeia. 



13 dezembro 2014

12 dezembro 2014

124 de 365 Dias da Horta Encantada

Vê-la feliz nos seus patins!
Amanhã é a festa da patinagem e ela treina sem parar pela casa. 



11 dezembro 2014

123 de 365 Dias da Horta Encantada

Mais um visitante nocturno da horta, a Dona Salamandra!




10 dezembro 2014

122 de 365 Dias da Horta Encantada

É nestes dias que sinto que moramos no planeta mais magnífico do universo...



08 dezembro 2014

05 dezembro 2014

117 de 365 Dias da Horta Encantada

Adoro ser turista na minha cidade... que linda está Lisboa!



03 dezembro 2014

115 de 365 Dias da Horta Encantada

Com dois dias de atraso, inaugurámos hoje a nossa Grinalda de Natal. Numa das meias de bebés lá estava uma moeda de chocolate para cada um. Até dia 25 assim será todos os dias. 



02 dezembro 2014

114 de 365 Dias da Horta Encantada

Adoro descobrir estas "pérolas" dos meus filhos no meu telemóvel. 



01 dezembro 2014

113 de 365 Dias da Horta Encantada

O aconchego do fogo nas longas noites de outono-inverno, aquece corpo e alma. 



27 novembro 2014

109 de 365 Dias da Horta Encantada

O Cante Alentejano, o canto que me mexe com a alma. Desde a infância que não consigo ouvir sem me emocionar e chorar. Não consigo sequer explicar porquê, apenas sei que o som destas vozes vibra dentro de mim e emociona-me profundamente.
A explicação deve estar nas minhas raízes, todas alentejanas, que me transportam a tempos ancestrais dos quais já não há memória...

Merecidamente,o Cante Alentejano, foi hoje reconhecido como património imaterial da humanidade.


26 novembro 2014

108 de 365 Dias da Horta Encantada

 "Some people feel the rain. Others just get wet" 
Bob Dylan 


25 novembro 2014

107 de 365 Dias da Horta Encantada

Tiramos o nosso homem do outono da porta para colocarmos as decorações de Natal. A Teca mal o viu no chão não resistiu a deitar-se em cima dele.
Há lá melhor cama do que o homem folha



24 novembro 2014

23 novembro 2014

105 de 365 Dias da Horta Encantada

Travar amizade com outros animais. Mas com muito cuidado para não os magoar... 



22 novembro 2014

Morar No Campo é...

... encontrar "milhões" de larvas de formiga num transformador do quarto. 



104 de 365 Dias da Horta Encantada

Brincadeiras com o telemóvel.



21 novembro 2014

103 de 365 Dias da Horta Encantada

Tao (o caminho), é o nome do nosso cão. Hoje quando tentava tirar uma foto ao meu caderno, deste esquema do Yin e Yang para pôr aqui no blog,  ele veio colocar-se no meu caminho fazendo jus ao seu nome. Acabou por adormecer em cima do caderno fazendo também parte da fotografia.    



20 novembro 2014