Páginas

20 outubro 2010

Doce Fruta

A fruta "chinchada" nos pomares abandonados durante os Passeios Outonais foi transformada em doce. Pelo menos parte dela, outra  está em caixas ventiladas para não se estragar tão rapidamente enquanto espera a sua vez de ser comida. Há anos que eu não comia fruta tão saborosa e sumarenta.
As etiquetas foram feitas com a ajuda da L. que desenhou as Pêras e as Maçãs e eu desenhei as Abóboras (estas foram oferecidas, não vieram dos passeios).
Para além da "chinchada", que já conhecia, aprendi outra expressão relacionada com a apanha da fruta alheia com as vizinhas da aldeia, "rabisco".  
"Fomos ali ao rabisco"- diziam elas com os sacos à cabeça. Que é o mesmo que dizer que foram  ali à vinha  apanhar a uva que sobrou da vindima.  

7 comentários:

  1. Esses frasquinhos já dão umas prendinhas de Natal.

    ResponderEliminar
  2. Foi fantástica essa vossa mudança!

    Nesta altura, uns marmelos abandonados, também dava jeito!...

    um beijinho
    elisabete

    ResponderEliminar
  3. Poupadinha: É verdade, dão umas belas prendinhas :-D Mas são maioritariamente para consumo da casa.

    Elisabete: :-D
    Pois era, mas os marmelos já alguém os tinha apanhado. ;-)
    Mas fizemos marmelada de maçã, que também é muito boa.

    ResponderEliminar
  4. Que delicia!!! A as frutas estão muito bem desenhadas :))

    ResponderEliminar
  5. eu fico encantada com isto... beijinhos Luísa :)

    ResponderEliminar
  6. Fico encantada com as ideias que partilhas aqui. Nós por cá temos marmelos comprados para fazer marmelada, a duas mãos! Vou "roubar" a ideia das etiquetas!
    Um beijinho doce

    ResponderEliminar