Páginas

24 janeiro 2015

167 de 365 Dias da Horta Encantada

Inesperado e fugaz como um arco-íris assim foste, meu bebé. 
No dia que completaste 16 semanas deixaste o meu ventre e eu morro de saudades tuas.
Em 16 semanas, uma tão curta vida, tiveste tantos ensinamentos para dar. Tantos, que vou seguramente passar meses a tentar descodificá-los.
Não foste programado, mas eras já muito desejado e amado. A nossa família ficou profundamente marcada por ti.
Até sempre minha/nossa estrelinha luminosa.

2 comentários:

  1. Dizem que todos trazemos em nós uma missão. O bébé arco-iris, certamente também teve a dele :)
    A dor de ver partir, quem já tanto amamos, é dilacerante. Resta o amor eterno e descodificar a missão Dele.
    Beijinhos e um abraço apertado

    ResponderEliminar
  2. Há mts anos aconteceu-me algo parecido... Chorei e quando em consulta com o G. e voltei a chorar apanhei uma descompostura do médico que me disse: "minha senhora, é a natureza a resolver problemas" ! Pense nisto e talvez alivie...

    ResponderEliminar